Google Adsense Topo
CALVÁRIO

Ricardo Coutinho e mais três pessoas permanecem foragidas; PF divulga vídeo de apreensão de cédulas de real e euro

A maior parte das prisões, nove, foram cumpridas na Paraíba. Outras duas prisões foram cumpridas no Rio Grande do Norte, uma no Rio de Janeiro e outra no estado do Paraná.

17/12/2019 20h18
Por: valdemir Zilan
Fonte: ClickPB
201

Além das prisões, também já foram cumpridos 54 mandados de busca e apreensão (Foto: Reprodução/PF)

Até as 17h desta terça-feira (17) já foram cumpridos 13 mandados de prisão preventiva no âmbito da Operação Calvário, de acordo com informações da Polícia Federal ao ClickPB. Quatro pessoas permanecem foragidas, dentre elas o ex-governador Ricardo Coutinho.

 

A maior parte das prisões, nove, foram cumpridas na Paraíba. Outras duas prisões foram cumpridas no Rio Grande do Norte, uma no Rio de Janeiro e outra no estado do Paraná.

 

Além das prisões, também já foram cumpridos 54 mandados de busca e apreensão. Em uma das residências alvo da Operação Calvário foi apreendida uma grande quantidade de cédulas. A quantia total em real e euro não foi divulgada pela Polícia Federal até o momento.

 

 

A Operação Calvário foi deflagrada pela Polícia Federal, Controladoria Geral da União e Gaeco com objetivo de investigar a atuação de organização criminosa por meio da contratação fraudulenta de Organizações Sociais (OS) para gerir os serviços essenciais da saúde e da educação no Estado da Paraíba.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Alhandra - PB
Atualizado às 23h07
27°
Poucas nuvens Máxima: 31° - Mínima: 24°
30°

Sensação

8.9 km/h

Vento

80.8%

Umidade

Fonte: Climatempo
Arranha-céu
Adsense Sessão Política
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas