supermercado 1 topo
Saúde

Boletim Informativo (Ações Malária em Conde e informações sobre os casos diagnosticados

Boletim Informativo

26/06/2019 21h56
Por: Carlos Silva
63

Segue o Boletim Informativo sobre a situação dos casos de malária no município de Conde. O informativo foi fechado às 15:30.

 

Reforçamos que as ações continuam sendo realizadas, assim como a atuação do carro fumacê e os trabalhos de busca ativa na região.

 

Ao surgimento de quaisquer sintoma característico para a doença, principalmente febre, procurar imediatamente o serviço municipal de saúde, para diagnóstico precoce e início de tratamento, em caso positivo. A automedicação, neste caso, pode aumentar a gravidade da doença e pôr em risco a saúde do paciente.

 

As equipes de todas as Unidades Básicas de Saúde estão capacitadas para realização do teste rápido ou o de gosta espessa. No caso de confirmação, o município também oferece o tratamento (medicamentos).

 

Em caso de dúvidas ou sintomas, reforçamos que seja procurada a UBS mais próxima de sua residência ou o Pronto Atendimento (Policlínica), que funciona todos os dias 24h. A Secretaria de Saúde tem um telefone exclusivo para atendimentos relacionados a Malária (83) 98187-6740.

 

 

 

 

 

 

 

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO N.º 03/2019 SOBRE A MALÁRIA

 

NO MUNICÍPIO DE CONDE[i]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Malária é uma doença infecciosa febril aguda, causada por protozoários transmitidos pela fêmea infectada do mosquito Anopheles. Toda pessoa pode contrair a Malária. Pessoas que tiveram vários episódios de Malária podem atingir um estado de imunidade parcial, apresentando poucos ou mesmo nenhum sintoma no caso de uma nova infecção.

 

A Malária não é uma doença contagiosa. Uma pessoa doente não é capaz de transmitir a doença diretamente à outra pessoa, é necessária a participação de um vetor, que no caso é a fêmea do mosquito Anopheles (mosquito  Prego),  infectada por Plasmodium, um tipo de protozoário. Estes mosquitos são mais abundantes nos horários crepusculares, ao entardecer e ao amanhecer. Todavia, são encontrados picando durante todo o período noturno, porém em menor quantidade.

 

Os principais sintomas da Malária são: febre alta; calafrios; tremores; sudorese; dor de cabeça, que podem ocorrer de forma cíclica, em dias intercalados. Muitas pessoas, antes de apresentarem estas manifestações mais características, sentem náuseas, vômitos, cansaço e falta de apetite.

 

Reforça-se aqui a necessidade de, ao surgimento de quaisquer sintoma característico para a doença, principalmente febre, procurar imediatamente o serviço municipal de saúde, para diagnóstico precoce e início de tratamento, em caso positivo. A automedicação, neste caso, pode aumentar a gravidade da doença e pôr em risco a saúde do paciente.

 

As ações continuam sendo realizadas com as equipes da Secretaria de Saúde do município realizando a busca ativa nas regiões onde os casos foram identificados, além da conscientização da população por meio dos Agentes Comunitários de Saúde, que frequentemente visitam as residências dos moradores e moradoras da região.

 

As equipes de todas as Unidades Básicas de Saúde estão capacitadas para realização do teste rápido ou o de gosta espessa. No caso de confirmação, o município também oferece o tratamento.

 

Em caso de dúvidas ou sintomas, reforçamos que seja procurada a UBS mais próxima de sua residência ou o Pronto Atendimento (Policlínica), que funciona todos os dias 24h. A Secretaria de Saúde tem um telefone exclusivo para atendimentos relacionados a Malária (83) 98187-6740.

 

Durante o feriado prolongado de 20 à 24 de Junho, a Secretaria Municipal de Saúde manteve incessantemente as ações de busca ativa e passiva no município, organizando o serviço em regime de plantão, no pronto atendimento e escala de busca ativa no território da região endêmica, de forma que nenhum paciente com sintomas suspeitos fosse desassistido.

 

Os profissionais do serviço de pronto atendimento permaneceram em alerta aos pacientes que surgissem com relato de febre nos últimos três dias. Foram realizados durante esse período 41 Testes Rápidos e 60 Lâminas de Gota Espessa, além do serviço de Pronto atendimento, a equipe de busca ativa não suspendeu suas atividades durante o feriado, atuando nas regiões de Gurugi II e Vale do Amanhecer, onde foram entrevistadas 107 pessoas e realizadas 41 Lâminas de Gota Espessa em pacientes sintomáticos, todos os resultados foram negativos para malária.

 

O último caso notificado no município foi no dia 14/06/19, paciente do sexo masculino, 32 anos, permanece hospitalizado e seu estado de saúde é estável.

 

 

 

 

 

Conde, 25 de junho de 2019.

 

 

 

 

 

Rogéria Gomes da Silva

 

Chefe do Departamento de Vigilância em Saúde

 

 

[i] Os Boletins Epidemiológicos sobre a Malária no município de Conde são divulgados semanalmente, toda a terça-feira, durante o horário do expediente da Secretaria de Saúde da Prefeitura do Município de Conde. Abrangem a atualização dos casos de Malária identificados e as abordagens clínicas realizadas no período dos 7 dias anteriores à divulgação do boletim.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 17h04
28°
Poucas nuvens Máxima: 30° - Mínima: 21°
29°

Sensação

24 km/h

Vento

62%

Umidade

Fonte: Climatempo
300x600 lateral
300x250 1 lateral Politica
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Adsense lateral interna posição 5