some text
DECISÃO

Justiça converte prisão preventiva se um dos réus da Xeque-Mate em medidas cautelares

A decisão foi tomada, nesta quinta-feira (4), pelo juiz Henrique Jácome, da 1a Vara da Comarca de Cabedelo.​

05/07/2019 07h19
Por: Carlos Silva
13
O réu não poderá se afastar dos limites da Comarca de Cabedelo e João Pessoa (Foto: Reprodução)

 

 

A Justiça da Paraíba converteu a prisão preventiva de Inaldo Figueiredo Silva, um dos réus da Xeque-Mate, em medidas cautelares. A decisão foi tomada, nesta quinta-feira (4), pelo juiz Henrique Jácome, da 1a Vara da Comarca de Cabedelo.

O réu terá que manter o recolhimento domiciliar no período noturno das 22h às 6h, não se ausentar dos limites da Comarca de Cabedelo e João Pessoa sem autorização  judicial, além de não frequentar bares, casas de jogos de azar, casas de shows e teatros, ante a necessidade de se preservar a investigação policial.

Com a decisão, o juiz manteve a suspensão das funções públicas já determinada no processo.

De acordo com o advogado de Inácio,  Robério Capistrano, o próximo passo é provar a inocência do réu, abrindo caminho para a posse na Câmara dos Vereadores.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 16h46
27°
Muitas nuvens Máxima: 26° - Mínima: 23°
29°

Sensação

15 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
300x600 lateral
300x250 1 lateral Politica
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Adsense lateral interna posição 5